Gerenciamento de frotas e redução de custos: uma relação direta

Para quem é gestor de frotas, preservar vidas é prioridade. Contudo, cuidar bem dos custos que essa operação envolve também é parte das atribuições – afinal de contas, estamos falando de gestão.

Para um bom líder de frotas, uma operação eficiente, além de evitar acidentes, também evita custos desnecessários, em diversos pontos como infrações, seguros, consumo de combustíveis, manutenção de veículos, entre outras.

Na criação de uma política robusta de gestão, combinar a adoção de boas práticas e tecnologias inovadoras podem preservar vidas e aumentar a eficiência na logística da empresa, de forma sinérgica. E melhor: ao colocar estes benefícios “na ponta do lápis”, a redução de custos também é outro grande ganho que sua operação pode ter. Para ajudar você a fazer sua gestão com segurança para seus motoristas, trazendo também economia para a sua operação, separamos algumas dicas valiosas, que podem ajudar sua empresa a ter uma política eficiente de frotas. São dicas para ajudar você a cuidar de sua operação, cuidando também de seu orçamento.

Atenção aos custos com seguros

Questões de seguro podem ser uma dor de cabeça para empresas que lidam com frotas volumosas, devido à questões legais, danos em caso de acidentes, reparos e compensações. Com um sistema inteligente de gestão de frota, é possível ter informações confiáveis de cada sinistro, com análises determinando de forma clara causas e responsáveis pelo evento.

Isso permite documentações mais ágeis e precisas na hora de lidar com os procedimentos da seguradora, o que pode economizar tempo e dinheiro de sua companhia.

Elimine desperdícios com combustível

Consumo de combustível é um dos itens que gestores de frotas estão sempre atentos, ainda mais em mercado onde se vive com flutuações de preço. Contudo, muitos gestores controlam apenas uma parte desse processo (quilometragem por litro, idas no posts, uso de cartão).

Com uma telemetria avançada, gestores podem analisar o consumo de combustível de forma granular, indo do gerenciamento de rotas até o comportamento de condução de seus motoristas. Questões como aceleração, freadas bruscas, paradas com o motor ligado.: todos estes dados podem ser levados em conta na hora de analisar o consumo de cada veículo, dando mais subsídios para a tomada de decisão com o foco na redução de custos.

Manutenção eficiente é economia

À parte da questão de sinistros, cuidar das manutenções preventivas da frota é parte fundamental do trabalho dos gestores. Porém, em uma estratégia mal implementada, isso pode trazer perdas de tempo e dinheiro. Filas para manutenção, peças em falta, incompatibilidade de horários. Vários problemas podem afetar o bom andamento de sua frota, caso falte organização.

Com uma estratégia sólida e o uso de tecnologias de apoio, você pode otimizar as idas de cada veículo para a garagem, garantindo que todos tenham uma vaga disponível no horário designado, assim como as peças necessárias para a manutenção prevista, com um tempo preciso para seu retorno à estrada.

Por meio da integração entre soluções de telemetria e gestão interna, sua frota nunca mais perderá tempo, nem dinheiro na hora da manutenção.

Reduza riscos e infrações, reduza custos

A preocupação principal de um gestor de frotas é garantir boas práticas para um trânsito seguro, preservando o bem mais valioso de todos: vidas. Mesmo assim, os prejuízos da violência no trânsito são pesados: segundo um estudo de 2019 do Centro de Pesquisa e Economia do Seguro (CPES), este custo passa dos R$ 146,8 bilhões, ou 2,3% do Produto Interno Bruto (PIB).

Portanto, ao buscar a redução de acidentes, os impactos positivos na economia da gestão de frotas são inevitavelmente diretos. Multas, custos com manutenção, seguros e outras despesas. Todos estão relacionados à prevenção de acidentes e condutas de risco.

Por exemplo, com uma política efetiva, aliada ao uso de tecnologias de monitoramento, é possível reduzir drasticamente o número de infrações por excesso de velocidade, assim como também é possível controlar de forma eficaz as infrações realizadas, resultando em uma gestão de custos muito melhor.

Com a combinação de todos estes elementos, sua operação poderá funcionar com mais segurança e menor chance de custos desnecessários para sua empresa.