Como o gestor de frotas pode combater a fadiga ao volante?

Já falamos em um post anterior aqui em nosso blog dos inúmeros perigos que a fadiga e a distração ao volante podem ocasionar nas estrada. E, para quem é gestor de frotas em uma empresa, é um perigo que agrega diversos outros aspectos e responsabilidades.

Para ajudar os profissionais da área fizemos um primeira lista de pontos importantes para a prevenção contra a fadiga ao volante – você pode conferir o texto neste link.

Entretanto, a lista não acaba por aí: temos novas dicas para uma gestão segura das frotas, evitando riscos para os condutores e sua companhia. Confira abaixo para saber mais.

Invista em uma política de frotas robusta

Implementar uma boa política de frotas é o caminho para sua empresa eliminar riscos ocasionados pela fadiga dos motoristas.

Uma boa política, baseada em dados, é um bom caminho: através da coleta e controle preciso dos dados, fica mais fácil conhecer suas rotas, as quilometragens percorridas, os horários que eles pegam a estrada. Alguns sistemas também emitem alertas após horas de condução ininterrupta, para que o condutor faça uma pausa para descansar. Todas estas informações ajudam a criar planos inteligentes para otimizar o tempo e trabalho destes motoristas.

Um planejamento inteligente, apoiado por soluções de tecnologia, permite aos gestores de frota definir horários de trabalho adequados, mantendo a produtividade sem afetar o tempo de descanso necessário para os motoristas.

Assegurar essas políticas também envolve um trabalho cultural junto aos funcionários que integram a frota das empresas. Isso envolve inclusive a promoção de hábitos saudáveis e cuidados com o bem-estar, que também tem reflexos na produtividade.

Alinhando boas práticas e inovação, fica mais fácil identificar e minimizar os riscos associados ao perfil de cada condutor. Isso resulta em mais segurança para sua frota e tranquilidade para todos em sua operação!


Direção defensiva: um aliado no combate aos riscos

Levando em consideração que 80% dos acidentes de trânsito são causados por falhas humanas decorrentes de negligência, imprudência ou imperícia, dirigir defensivamente é indispensável para uma viagem segura.

E quando falamos de empresas, incentivar ais hábitos, além de preservar a integridade dos colaboradores e usuários de frotas corporativas proporciona também uma significativa redução de gastos com multas, combustível e sinistros.

Busque complementar a sua política de frotas com ações de direção defensiva como: estar sempre atento e com as duas mãos ao volante, respeitar os sinais de fadiga e cansaço, parar para descansar 15 minutos a cada 2 horas na direção, manter a distância segura de outros veículos, estar com a manutenção do veículo sempre em dia, entre outros.

Lembre-se: o trabalho de um gestor de frotas não é apenas operacional: também envolve o aspecto cultural entre seus colaboradores.

Incentive e COBRE bons hábitos de condução!

Tecnologia: seu principal aliado contra a fadiga ao volante

O uso de sistemas inteligentes para apoio à gestão de frotas pode dar os subsídios ideais para para garantir as melhores práticas, em favor do bem estar dos condutores e na redução de potenciais acidentes decorrentes da fadiga ao volante.

Sistemas robustos de telemetria e tecnologias avançadas como o barramento CAN vão muito além do controle do controle do odômetro, gastos de combustível e localização do veículo. Elas podem entregar com precisão informações avançadas sobre o estado do veículo, quem está conduzindo e como ele está se comportando ao volante.

Estas soluções funcionam em complemento a sistemas de detecção de fadiga como o Focus, criando uma base abrangente de dados para a tomada de decisão.

Você conhece a GoAwake?

Utilizando recursos de inteligência artificial e videoanalytics, em combinação com câmeras que observam tanto a pista quanto o condutor, o sistema de detecção de sonolência e distração ao volante da GoAwake fornece um panorama amplo do trajeto do veículo, observando padrões e enviando informações em tempo real para os gestores de frota ou central de monitoramento 24/7 das empresas.

Além disso, a solução possui uma câmera dedicada para a detecção de sinais de fadiga ou distração do motorista (DSM), identificando sinais de sonolência e também casos em que o condutor “tira os olhos da pista”, como no uso do celular ao volante. Com a tecnologia de ponta da GoAwake, estas detecções são feitas em tempo real, com alertas automáticos de voz sendo emitidos pela câmera, chamando a atenção do condutor para voltar sua atenção à pista.

Por ser uma solução 100% conectada, os avisos também são enviados em tempo real para os responsáveis pela frota, que podem tomar as tratativas devidas. Em casos mais graves de fadiga, a solução permite solicitar a alteração do condutor ou solicitar paradas em pontos estratégicos para descanso, evitando maiores riscos.

A GoAwake também inclui funcionalidades de analytics, fornecendo indicadores e relatórios gerenciais com informações dos veículos e condutores, ajudando na implementação de melhorias e tomada de decisão para aperfeiçoar a segurança da frota.

Portanto, se você é gestor de frota e deseja encontrar formas eficazes de garantir a segurança de seus motoristas, inovar é um excelente caminho – e se você deseja seguir estes passos, entre em contato com a Creare. Nós somos especialistas nisso!

Para mais informações acesse nosso site: https://www.crearesistemas.com.br/